Seguidores

segunda-feira

Os pais foram presos e a filha colocada para adoção - porque ela tinha Ossos de vidro.

Nicola Watters com Lottie

A provação para a família, em Scarborough, North Yorks, começou em Outubro de 2014.

Nicola Warrers e Adrian Carton notaram que o braço de sua filha estava estranhamente mole e levaram Rose ao hospital.
Os médicos acharam que a lesão havia sido causada pelos pais, que ficaram horrorizados ao serem presos, depois que os médicos os acusaram de quebrar o braço da própria filha.
Nicola Warrers e Adrian Carton viram a guarda de sua filha Rose ser retirada, e entregue para pais adotivos temporários.
O casal de coração partido enfrentou uma luta para limpar seu nome, sabendo que a
pequena Rose estava com os pais adotivos e em breve seria colocada para adoção definitiva.
O pesadelo acabou depois que a criança desenvolveu uma lesão similar, ou seja, sofreu uma nova fratura.
Só então, foi que os médicos perceberam que haviam falhado por não diagnosticá-la com Osteogênese Imperfeita.
"As autoridades prejudicaram a nossa família para sempre. Nós nunca mais vamos superar isso."-Disse Nicola.
Rose tinha apenas seis dias de idade quando Nicola e Adrian, 49, perceberam que seu braço esquerdo estava mole.
Quando eles a levaram ao hospital, os médicos pensaram que os pais tinham espancado a menina, e por isso chamaram a polícia.
Apesar de suas negações, o casal desesperado foi preso e depois libertado sob fiança.
Mas enquanto Rose estava sendo cuidada por outra família, ela fraturou o braço
novamente, e desta vez o verdadeiro diagnóstico emergiu.
Rose tem osteogênese imperfeita, uma doença que ela herdou de seu pai.
Seus ossos eram tão frágeis que simplesmente mudar a fralda poderia causar
uma fratura.
"A maneira como os médicos decidiram a partir de um único exame, que
um de nós tinha maltratado nossa filha, é realmente horrível."- Disse Nicola.
O administrador Nicola - que tem outros três filhos, Adam, 21, Rhian, 19, e Sofia, 15 - recordou: "Quando eu estava segurando Rose, notei que seu braço esquerdo estava estranhamente pendurado.
Fomos direto para Scarborough Hospital A & E.
Depois de um raio-X, o médico disse que seu osso úmero estava quebrado.
Eu estava tremendo quando o médico olhou para mim acusadoramente e disse
que um de seus pais, Adrian ou eu, havia torcido e puxado violentamente o braço do nosso bebê.
No dia seguinte, ambos fomos interrogados pela polícia e presos por suspeita de maus tratos. Mesmo a minha filha Sofia foi questionada. Ela adora Rose mas curiosamente foi acusado de ser ciumenta."

Rose ficou no hospital por uma semana e, em seguida, enviado para viver com os pais adotivos.

"Adrian e eu fomos autorizados a vê-la por apenas seis horas por semana. Nesse tempo, fomos tratados como criminosos, porque éramos acompanhados por um assistente social."
O casal começou a desconfiar um do outro, se desentender, e o relacionamento ficou prejudicado.
Nicola acrescentou: "As pessoas estavam fofocando. Em seguida, os serviços sociais
estavam falando sobre adoção. Foi um pesadelo."
Seis semanas após seu bebê ser levado para adoção, o casal teve um telefonema surpresa para dizer que Rose estava sendo tratada por uma outra fratura.
Na sequência de mais testes, a verdade emergiu e um juiz ordenou que ela deveria ser devolvida aos pais.
Nicola disse: "Eu estava em lágrimas de alívio por recuperá-la."
Mas a experiência deixou sequelas.
"Nicola e eu tínhamos um relacionamento perfeito, mas a provação nos separou. 
Os médicos arruinaram nossas vidas e nos destruiu como um casal.
Embora eu estivesse muito feliz para obter Rose volta, ela se sentiu como uma estranha. Nós tínhamos sido dilacerados em um momento muito vulnerável e era como se me entregassem um bebê de outra pessoa.”
"Estou irritado e chateado porque ninguém pediu desculpas. Nós culpamos o hospital por todo esse sofrimento."- Desabafou Adrian.

O Hospital NHS Foundation Trust, disse:"Nós temos o dever de salvaguardar e proteger as crianças. Neste caso, seguimos políticas e procedimentos em relação a lesões inexplicáveis em crianças."


Fonte: Mirror


Nenhum comentário:

Postar um comentário



Obrigado pelo comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Deixe uma mensagem!

Nome

E-mail *

Mensagem *